Por: AYRTON DIAS

18/08/2022

15:17:52

PRAZERES DO INVERNO – O MELHOR DA ESTAÇÃO

Elegância, ócio, aconchego e muito prazer
PRAZERES DO INVERNO – O MELHOR DA ESTAÇÃO
Os prazeres do inverno podem ser obtidos de maneiras variadas. Seja no “modo hibernação” curtindo uma boa música, lendo um livro interessante ou se deliciando com um filme no conforto do lar, numa animada conversa com pessoas queridas ou saindo para dançar numa balada. Com certeza idas a lugares aconchegantes, preferencialmente com lareira, devem estar em qualquer roteiro de inverno. Dançar juntinho ao som de uma boa música romântica também é muito especial. No inverno não faltam motivos para se aproveitar o que a vida oferece de melhor, seja no descanso em noites bem dormidas ou valorizando ao máximo um simples abraço. Os dias mais frios do ano podem proporcionar inúmeras situações de prazer porque – naturalmente - aproximam ainda mais as pessoas! - No detalhe: Com ambiente aconchegante e uma grande variedade de bons rótulos a Emporio di Bacco é uma ótima pedida para este inverno - foto: Êxito Rio

As temperaturas baixas e noites mais longas do que os dias caracterizam o inverno. Para alguns, esse período significa ondas intensas de mau humor em meio a massas polares, principalmente ao acordar cedo. Tomar banho, nem se fala! No entanto, baixa temperatura não quer dizer baixo-astral, pelo contrário, é o momento de se buscar alternativas para desfrutar dos prazeres que só a temporada de sol morno, pouca chuva e dias frios pode proporcionar. O inverno é a estação da elegância e do bom paladar e muita coisa boa pode ser feita no decorrer dela. Em primeiro lugar é preciso estar bem consigo mesmo e - para que isso aconteça - é importante se cercar de pessoas agradáveis e animadas, evitando-se os “mal-humorados de plantão”. Se vestir bem, frequentar locais charmosos e acolhedores e, principalmente, sair da rotina podem fazer toda a diferença. Muitos aspectos podem contribuir para se ampliar as sensações de prazer que só o inverno oferece.

Degustar boas bebidas

É claro que para os abstêmios as bebidas não-alcoólicas é que são fontes de prazer. Neste caso, os chás se destacam durante a estação e seu consumo é tido como um evento social. Tomar chá é uma tradição que resiste à passagem do tempo e ganha toques cada vez mais modernos e sofisticados. Não o simples chá, mas o hábito milenar que é cheio de detalhes e que mais parece um ritual. Em países como China e Japão, o chá da tarde chega a durar horas. Já na Inglaterra, o chá das cinco geralmente é servido “pontualmente” e em louças finas, acompanhado de bolos e frutas secas. Os indianos têm fama de cultivar os chás mais famosos do mundo e guardam a sete chaves a receita do Chai. O segredo, segundo os especialistas, está no cultivo e acondicionamento das folhas. Existem vários tipos de chás divididos nas seguintes categorias: chá branco (não fermentado/levemente fermentado), chá oolong (com fermentação média) e chá preto (forte e bastante fermentado).

Na acolhedora Casa do Strudel, a clientela pode se deliciar com palmieres, amanteigados variados, brownies e salgados de forno de incomparável sabor, que podem ser acompanhados por um café fresquinho - preparado com grãos moídos na hora – capuccinos, chocolates quentes e uma boa variedade de chás.

Entretanto, para aqueles que sabem apreciar - com responsabilidade - bons rótulos de vinho, cerveja e também da mais famosa bebida nacional, a cachaça, aí vão algumas dicas: 

Vinhos para curtir o inverno

"O Inverno chegou e com ele os lindos dias de céu azul e noites estreladas e frias. Este clima nos convida a boa gastronomia com a família e amigos, e como não lembrar dos vinhos para “aquecer” o momento.

Os tintos costumam ser os mais requisitados, porém não podemos deixar os brancos de lado.

Imagine um lindo dia de sol, com a temperatura amena, perfeito para uma truta grelhada com molho de alcaparras no jardim ou na varanda. Neste caso um vinho branco com boa estrutura aromática e certa untuosidade não só ficará perfeito com o prato, mas também aquecerá a alma. Um dos meus preferidos é um Riesling da Alsácia, o DOPFF AU MOLIN, muito elegante e fácil de beber.

Se a pedida para o almoço for um risoto de frutos do mar, podemos pensar num branco com passagem em barrica, como o CRASTO SUPERIOR, vinho do Douro com boa mineralidade, acidez e maturado em carvalho, ou se preferir um tinto, que seja um leve e com certa acidez, como o VALDUBÓN TEMPRANILLO, espanhol da Denominação de Origem Ribera Del Duero.

Com o cair da noite, o frio fica mais intenso e com isso tendemos a uma gastronomia com pratos mais quentes, encorpados ou gordurosos. Vamos começar pelas sopas e caldos, que podem ser acompanhadas tanto de brancos como de tintos, dependendo da estrutura da sopa. Pratos fortes pedem tintos e pratos delicados e aromáticos pedem brancos. Dois exemplos que gosto são: Sopa de Cebola com o vinho italiano EPICURO CHARDONNAY FIANO e Creme de Ervilha e Bacon com o chileno MIGUEL TORRES ANDICA PINOT NOIR.

Passando aos pratos principais, para uma clássica Lasagna Bolognese o par perfeito é um bom Chianti da Toscana, como o CHIANTI CLASSICO ROCCA DELLE MACÌE DOCG. Se a escolha for um suculento Bife de Chorizo com Batatas Rústicas, o argentino COLOMÉ AUTENTICO MALBEC fica simplesmente M-A-R-A-V-I-L-H-O-S-O!

Para finalizar com as deliciosas sobremesas, um bom Vinho do Porto como o PACHECA TAWNY cai bem na maioria das opções com frutas secas e chocolate, mas se for tortas de frutas vermelhas ou de limão um SAUTERNES MOUTON CADET pode ficar fantástico."

"Espero que aproveitem as dicas e curtam bastante esta que é a Estação do Ano mais deliciosa da Serra. Saúde!” - Claudio Pinto - Sommelier Emporio di Bacco 

Cervejas especiais 

“A temporada do inverno chegando e as baixas temperaturas pedem que você invista em bebidas mais quentes, certo? Errado! Você pode descobrir e harmonizar novos sabores e rótulos, investindo em cervejas que promovem a sensação de aquecimento.


A diferença está na escolha do estilo certo. Para aquecer os dias frios, as cervejas recomendadas são as de teor alcoólico acima dos 6º e sabores mais intensos e complexos. O universo de cervejas é grande e tem para todos os gostos, como Bock, Porter, Stout, Tripel e até envelhecidas em barris.

A cervejaria Alpendorf investiu em alguns rótulos com essa pegada, que pode ser harmonizada com sobremesas, chocolates, foundues, goulash, racletes, rösti e muito mais. No seu portfolio tem a Double American Porter, a Russian Imperial Stout, a German Bock, a Belgian Tripel e a novidade Imperial Truffle Stout, sem contar com as envelhecidas em barris de carvalho e amburana.” – Marcelo Cruz – Cervejaria Alpendorf 

Harmonização de Cachaças

"Com a chegada do inverno para curtir o frio da serra, uma boa companhia é uma Cachaça de qualidade! É comum ouvirmos sobre harmonização de bebidas com pratos e sobremesas, principalmente com cervejas e vinhos. Aqui vamos falar um pouco sobre sugestões de harmonizações utilizando o destilado nacional, a Cachaça!

Se você é daqueles tradicionais quando o assunto é Cachaça e acha que harmonização é apenas para outras bebidas, e para ambientes muito sofisticados e gosta de ir no básico de beber uma Cachaça e comer um torresmo –ou outro tira gosto-, parabéns! Isso é uma harmonização, e talvez um dos hábitos mais comuns ao beber uma Cachaça.


Harmonizar é combinar, equilibrar os sabores de comidas com bebidas. Nesse processo buscamos estabelecer um equilíbrio, uma sintonia entre comida e bebida, onde nenhuma das duas deverá se sobressair, e sim fazer com que um ressalte as qualidades do outro.

As Cachaças puras, ou seja, aquelas que não passam por processo de envelhecimento –armazenadas em inox-, têm uma complexidade sensorial menor se comparada às envelhecidas, nesse caso elas mantém o sabor e aroma característico da cana de açúcar. Essas Cachaças harmonizam bem com pratos mais leves como:

- Peixes; carnes brancas; aipim frito e queijos

No caso das Cachaças envelhecidas –aquelas que passam pelo processo de envelhecimento nos barris- que são mais complexas, com sabor marcante e normalmente mais ácidas, harmonizam melhor com alimentos mais calóricos e carnes vermelhas, tais como:

-Churrascos: feijoadas; fondue; frango a passarinho

A harmonização também vai muito bem com as sobremesas doces, sorvetes... destaco a Cachaça envelhecida em Amburana, madeira com sabor e aroma adocicado e notas de canela."


"O mais importante sobre esse tema é que não existe certo ou errado quando o assunto é harmonização, ao degustar uma Cachaça sinta os sabores e aromas e vá testando, até encontrar qual Cachaça combina melhor com cada prato.” - Renan Folly - Mestre Cachaceiro da Cachaçaria Atrás da Pedra. 

Aproveitar para consumir alimentos bem calóricos

O calor necessário para animar o espírito pode estar contido em uma barra de chocolate ou numa simples xícara de café quentinho Durante a estação mais fria do ano o céu é o limite, e é permitido — com moderação, é claro — se saborear umas pedidas mais “consistentes”, como uma suculenta feijoada, por exemplo!


Na tradicional loja Doces Sader a procura por vinhos, aguardentes, queijos para fondue, chocolate quente, mousse de chocolate com morango, chocolates diversos, além dos doces com elevados índices de açúcar aumenta intensamente. Segundo o proprietário Gilberto Sader ”é porque eles ajudam a aumentar a temperatura corpórea, risos!" - foto: Êxito Rio 

Uma refeição muito consumida no inverno é a fondue. Apesar do nome francês, que quer dizer derreter/fundir, o prato é de origem suíça. Na sua concepção original, ele é uma mistura de queijos (normalmente gruyère e emmental) fundidos com vinho, que vão à mesa acompanhados de fatias de pães, batatas e até cenouras. Atualmente existem algumas outras variações, como fondue de chocolate, carne, fondue chinesa (fondue chinoise) — feita à base de carnes, peixes e legumes, fervidos num caldo de carne com diversas especiarias —, a japonesa (sukiyaki) e a vietnamita. Só é bom lembrar que a gula é traiçoeira!


Uma grande variedade de fondues, roestis, geschnetzeltes (um cozido de vitela com creme e champignon) e salsichas suíças, além de generosas porções de um tipo especial de queijo que compõe uma especialíssima raclete, são umas das atrações do Restaurante Bräun & Bräun para quem se permite saborear receitas mais calóricas. O Absinto, famosa bebida desenvolvida por um médico suíço, e o Jägermeister - bebida produzida na Alemanha  composta por 56 ervas, frutas e raízes – também são ótimas pedidas para os dias mais frios. - foto: Êxito Rio 

A tradicional sopa é um importante alimento da gastronomia que pode ser líquido ou pastoso. Seus ingredientes são muito variados e os nutricionistas aconselham a ingestão diária de sopa pelo fato dela ser, na maioria das vezes, uma receita de baixo custo, confecção simples, de digestão fácil, muito nutritiva e que aquece bastante.

É claro que existem opções mais “substanciosas” que atendem a volúpia pelo consumo de iguarias altamente calóricas. Tem gente que aguarda ansiosamente pelo inverno para consumir, teoricamente sem culpa, alimentos mais carregados em calorias. Fazendo vista grossa para o cometimento do pecado da gula é comum se observar comensais deliciando-se com fartas porções de torresmos, linguicinhas fritas e pratos mais carregados da culinária regional e também da internacional, notadamente a alemã. Chocolates nem se fala, em festivais da iguaria é possível ver pessoas ávidas furando fila para satisfazer seus desejos incomensuráveis. Os chocólatras não são fáceis!


No Restaurante Fogão a Lenha, integrante do Circuito de Turismo Rural de Amparo, a culinária regional é a grande atração. No local, em eventos temáticos especiais, podem ser saboreados também cozidos, frutos do mar e churrasco de costela em fogo de chão. – foto: Êxito Rio 

Se agasalhar bem e com elegância

No verão, bonito é revelar o corpo. Já no inverno, a beleza está mesmo no guarda-roupa. Para curtir os meses de frio é bom investir em roupas de qualidade. Vale lembrar que a tecnologia dos tecidos está muito desenvolvida, o que permite encontrar casacos que protegem muito bem sem serem pesados demais — nem no corpo, nem no bolso.  A moda de inverno é criativa, pode ser colorida e muito elegante, principalmente quando usamos tecidos mais nobres que têm um caimento mais clássico, como lã cashmere. Casacos, botas, luvas, lenços e cachecóis também deixam as pessoas muito mais bem vestidas. 

A empresária e  consultora de moda Maitê Azevêdo, proprietária da Lojinha da Mait, destaca que:“Neste outono/inverno podemos apostar em uma cartela de cores variadas, desde os tons terrosos aos mais vibrantes como o rosa, laranja, verde e azul royal. Além de estampas xadrez, paisley, croco e animal print, que estão super em alta também. Peças em couro e com transparência são umas das maiores tendências desse inverno, aliadas com as puffer jackets, looks monocromáticos, jeans de tons variados e peças com modelagem oversized como sobretudos, calças de alfaiataria e moletons. As botas são as queridinhas dessa estação, ideais para looks mais elegantes e despojados. Os tênis também podem gerar resultados lindos e super confortáveis, já que a ideia desse ano é conforto e versatilidade.”

Maitê e seu namorado Miguel Rimes com alguns looks da Lojinha da Mait

Os cuidados com a aparência devem ser constantes, não só com o vestuário como também o corpo. Os cabelos, “a moldura do rosto” merecem muita atenção pelo fato das pessoas permanecerem mais tempo deitadas e, logicamente, em função dos intensamente quentes e demorados banhos. 

Segundo Edson Oliveira (Edinho), instrutor e orientador de profissionais na especialidade de Corte Capilar, no inverno os cabelos ficam mais brilhosos e, em função disso, mais bonitos. Entretanto, a mesma oleosidade que embeleza compromete o volume capilar. Por esse motivo, "não leve seus cabelos para tomar banho com você", apenas lave-os. O prolongado contato com a água quente estimula intensamente as glândulas sebáceas gerando uma produção excessiva de oleosidade além de remover nutrientes fornecidos pelos produtos utilizados durante o processo de lavagem. Enfim, continue com sua ducha quente, mas não inclua o couro cabeludo. 

Edinho -  instrutor e orientador de profissionais na especialidade de Corte Capilar - foto: Êxito Rio

Ele também orienta em relação ao uso da toalha: “comprima as mechas com o tecido entre as mãos para absorção do excesso de água.  Esfregá-los, jamais! Essa prática, esgarça a cutícula de proteção que mantém o brilho do fio. Por consequência de atrito que gera estresse capilar, articula-se o uso de touca difusora, com o intuito de dar extrema velocidade na evaporação do estado líquido que expandiu as escamas com o inchaço das moléculas com a presença abundante de H²O presente nas grenhas. O objetivo desse método é proporcionar uma secagem mais rápida e homogênea.” Edinho também faz questão de destacar que os cuidados com os cabelos devem estar presentes até durante o sono.  “O contato com o travesseiro, a " atrição " pode desfiar as fibras em repouso. Com isso, admite-se fronha e/ou touca de cetim, cujo tecido seja genuíno a fim de "driblar" efeito eletrostático”. Com essas observações e cuidados é possível a manutenção de “cabelos aveludados” durante a estação mais fria do ano. 

A empresárias Tatiéli Tamara e Viviani Flores, proprietárias da Criando Artes NF, desenvolveram  uma linha de produtos destinados a manutenção da saúde capilar. Elas informam que “para manter os cabelos mais protegidos e hidratados, além da touca de cetim, - que virou a queridinha para dormir por conta dos seus benefícios - a touca difusora vem ganhando espaço principalmente entre as cacheadas.”


“Benefícios da touca difusora: Menos calor e redução de danos nos fios; intensifica a definição dos cachos e menos frizz; mais praticidade (mãos livres): mantem a hidratação capilar; compatível com qualquer secador.” – Tatiéli Tamara - No detalhe: Clara Ventura, Digital Influencer

Se aconchegar

Assistir a um bom filme ou ler um livro podem ser programas perfeitos numa noite fria. Para se desfrutar ainda mais do charme da estação é bom programar também idas a lugares aconchegantes, principalmente aqueles que têm lareira, onde o calor do fogo pode proporcionar momentos especiais. Mas, para quem quer se divertir pra valer, o ideal é ir a um local para dançar a dois. Dessa forma, se aquece até o coração!

A lareira do Auberge Suisse é uma das atrações do famoso Restaurante – foto: Êxito Rio

Praticar atividades físicas

Com o frio, o corpo fica mais tenso e dores nos ombros e nas costas se tornam comuns, pois as pessoas se movimentam menos e isso deixa as articulações emperradas. Por isso é importante fazer atividade física! A tendência ao consumo de alimentos calóricos é inegável, resultando em um aumento no percentual de gordura. Para equilibrar as coisas, é importante se manter em atividade, pois exercícios físicos feitos com regularidade garantem um metabolismo mais acelerado e, consequentemente, uma maior queima de tecido adiposo. Práticas esportivas tanto ao ar livre quanto em ambiente fechado, com a devida orientação, são muito indicadas. As caminhadas, pedaladas e escaladas ganham destaque em função da pouca incidência de chuvas durante o inverno e a cesta de ofertas indoor é infinita, com opções como musculação, yoga (que também pode ser praticada ao ar livre), esportes de combate e até natação — em piscinas aquecidas, é claro!

O inverno é um período muito propício a atividades junto a natureza. Em Nova Friburgo, a natureza exuberante é um verdadeiro convite a prática do montanhismo – No detalhe: O guia de montanhas Paulo Braga Júnior orientando a travessia Pedra da Pirâmide x Pico Von Veigl -  foto: Êxito Rio 

Fazer coisas diferentes

Para quem é reticente à “malhação”, é possível movimentar e aquecer o corpo sem fazer esforço algum. Isso ocorre, por exemplo, através de uma terapia que utiliza pedras vulcânicas aquecidas, com as quais são massageados os meridianos do corpo proporcionando calor e relaxamento, o que resulta em melhoria da circulação e alívio das tensões, entre outros benefícios. Curtir uma genuína sauna finlandesa ou um banho turco também pode ser uma boa pedida!

Segundo a fisioterapeuta Dermato Funcional Gabriela Borba do spa urbano Estética Zen, no inverno os cuidados com a saúde corporal devem ser redobrados: “Nós acabamos sofrendo muito com as temperaturas baixas por nos movimentarmos menos, o que traz muitas dores e malefícios ao nosso corpo. Entre as sugestões para amenizar os efeitos do frio estão as massagens. Elas ajudam a fortalecer nosso sistema imunológico, aumentando a circulação sanguínea, que auxiliará no alivio das dores musculares que são frequentes nessa época do ano. São inúmeros os benefícios de uma boa massagem. Ela alivia às tensões, contribui para aumentar a imunidade afastando gripes e resfriados, hidratam a pele ressecada pelo clima e eliminam as dores mais presentes nessa época.”


Uma das massagens mais concorridas é a com pedras quentes. A temperatura, bem agradável, tem por finalidade relaxar e reequilibrar as energias. As pedras quentes são indicadas principalmente para aliviar o estresse, relaxar a musculatura e ativar a circulação. – No detalhe: A esteticista Fernanda Luiza Borba, proprietária da Estética Zen em um atendimento. - foto Êxito Rio

Viajar

Com a chegada do inverno, as pessoas procuram destinos turísticos tradicionais no Brasil e no exterior. Na Região Serrana, desfruta-se de ótima hospitalidade em charmosos hotéis e pousadas e de uma gastronomia de primeiríssima qualidade. No período de 12 a 28 de agosto a realização da 32ª Bauernfest será um momento histórico, pois, em função da pandemia, o evento deixou de ser realizado presencialmente por 2 anos. Em sua retomada, a famosa festa, vai contribuir não só para animar petropolitanos, turistas e visitantes, como também para dinamizar a retomada do desenvolvimento econômico do município, tão duramente castigado pelas chuvas este ano. 

A realização da 32ª Bauernfest será um momento histórico - foto: Êxito Rio 

A região litorânea também pode ser um bom destino durante a estação mais fria do ano. Os preços mais em conta e a tranquilidade da baixa estação — sem aquela verdadeira multidão de turistas — garantem bons momentos, tornando o “inverno na praia” também uma ótima opção!

Em Niterói, além do seu belíssimo litoral oferece também ótimas opções gastronômicas que, no período mais frio do ano, passam a ser as principais atrções da Cidade Sorriso. No detalhe: Henrique Fernandes, proprietário do tradicional restaurante Bicho Papão. - foto: Êxito Rio

Estamos vivendo ainda momentos difíceis em relação a Covid-19. Durante a pandemia passamos a incorporar em nosso dia a dia uma série de procedimentos que - por cautela - ainda devem ser mantidos. O distanciamento social evitando-se aglomerações, a etiqueta respiratória fazendo-se ainda o uso de máscara em recintos fechados e a higiene das mãos, devem ser incorporados à nossa rotina na medida do possível. Os prazeres do inverno - assim como os da vida de maneira geral - devem ser desfrutados sem exageros, pois a sabedoria está no equilíbrio.

 A manutenção da boa saúde e o controle de problemas a ela relacionados, vão permitir celebrar - logicamente com moderação - as boas coisas da vida da melhor maneira possível. E o mais importante, no período mais frio do ano, e sempre, vamos manter nossos corações aquecidos, agindo com empatia, bom senso e muito amor. No inverno não faltam motivos para se aproveitar o que a vida oferece de melhor, seja no descanso em noites bem dormidas ou na percepção do sentido exato da palavra aconchego em um simples abraço. Os dias mais frios do ano podem proporcionar inúmeras situações de prazer, basta se permitir! 

 

Friweb Agência Digital
ÊXITO RIO
ÊXITO RIO
ÊXITO RIO

TURISMO

VALE A PENA VER DE NOVO: ESTÁ SURGINDO A ROTA CERVEJEIRA DO RIO DE JANEIRO - CERVEJAS DAS MONTANHAS
VALE A PENA VER DE NOVO: ESTÁ SURGINDO A ROTA CERVEJEIRA DO RIO DE JANEIRO - CERVEJAS DAS MONTANHAS
A Rota Cervejeira do Rio de Janeiro vai ligar todos os produtores de cerveja da região, das micros as grandes cervejarias além dos brewpubs, oferecendo aos turistas e visitantes uma...

GERAL

VALE A PENA VER DE NOVO:  VÍDEO COMEMORATIVO REVISTA ÊXITO RIO 10 ANOS
VALE A PENA VER DE NOVO: VÍDEO COMEMORATIVO REVISTA ÊXITO RIO 10 ANOS
Uma história contada em vários capítulos e com muitos...